terça-feira, 22 de junho de 2010

Os portugueses no mundo


É bom ler, escutar e sentir aquilo que nós portugueses impregnamos sobre o mundo. No Goa, Daughter's Story, de Maria Aurora Couto vem referido o seguinte:

"Os portugueses, contudo, deixaram a sua alma que paira." 

Como nós deixamos em tudo a nossa marca, porque deixamos a nossa alma em tudo.

E no livro a Casa-Comboio, da Raquel Ochoa que acabei de ler e recomendo, tem um parágrafo muito interessante sobre a impressão que os portugueses deixam no mundo.

"O português é genial nesse aspecto, por onde passa deixa uma presença que pôde contribuir para a melhoria da terra como a passagem de uma borboleta. É de uma beleza inesquecível, paira e esvoaça, mas não consegue modificar um ecossistema."

Assim, somos nós com a nossa marca e presença magnética que influenciou a cultural mundial ao desbravar mundos e levar uma cultural universalista.
António Pereira

0 comentários: