domingo, 30 de janeiro de 2011

Um êxito: Olhares de Nyása


O último Olhares de Nyása, com o Prof. Charles Maciel, foi um êxito! Antes de pensar na ideia da proposta desta tertúlia cultural e das questões que deveria colocar ao nosso convidado, fui inspirado pelos objectivos destes Olhares:


OLHARES DE NYÁSA

Olho-me em ti e reencontro-me.
Olhas-te em mim e vês-te.

Identifico-me com aquilo que és,
Porque eu sou tu
E tu és aquilo que eu sou.

Um olhar para dentro de mim
Mergulha por ti,
Em caminhos imaginados em comum
E desenvolvidos por nós.

Olhares de Nyása
São vislumbres de mundos comuns,
Em identificações identificadas
Por viverem no nosso íntimo.

Um mundo para conhecer além,
Daquilo que é visível e invisível.

Olhares de Nyása
São olhares de partilha,
Por aquilo que somos
E pelo que podemos vir a ser.

São Olhares de Conhecimento
De ti, de nós, de todos
Aqueles que partilham
Os mesmos Ideais.

Olhares de Nyása
São Pontes de Informação,
Daquilo que somos e queremos ser.

São mais um caminho,
Para o Autoconhecimento
Individual e colectivo.

Nesses Olhares
Nos sentimos Unos
E completos,
Pela fusão do Tempo
Como uma dissolução.

Na Eternidade
Do Ser Perfeito,
Que habita dentro
De cada Um de Nós.

No final, após algumas horas de boa e agradável conversa, viam-se olhares brilhantes e pairava um sentimento de comunhão e satisfação, por termos conhecido melhor o percurso profissional e o Ser Humano que está por detrás desse lado mais público.

Um grande obrigado, à Unidade da Amadora e restante organização, como os membros das Equipas da Unidade de Faro, Laranjeiras e Telheiras. 

Um agradecimento especial a todos os presentes que resistiram ao cansaço e ficaram até ao fim com o desejo de saber ainda mais. 

E, finalmente um muito obrigado ao nosso convidado, Prof. Charles Maciel, pela receptividade, boa disposição e conversa cativante!
António Pereira

P.S. - No final alguns resistentes, incluindo eu, ainda tiveram forças  e energia para irem dar um pézinho de dança, encerrando da melhor forma esta noite espectacular.

9 comentários:

patricio disse...

Uma noite maravilhosa muito bem passada na companhia dos amigos. Conhecer de perto estes profissionais que de certa forma abdicaram das suas vidas, para estarem presentes positivamente no nosso Mundo.
O meu muito obrigado ao Prof. Charles pelas suas palavras de sabedoria que partilhou connosco e ao Prof. António Pereira pela sua experiência que partilha connosco todos os dias.

Patrício Vinagreiro

Ana Paulo disse...

Um privilégio conhecer o Prof. Charles Maciel, não só como Profissional do nosso Método, mas como Ser humano, que um dia tal como a maior parte de nós iniciou conscientemente este caminho de descoberta de Si próprio.
"Ser aquilo que sinto, mostra a realidade de quem Sou". Esta é a frase como defino O Professor Charles Maciel.
Parabéns a todos os que estiveram Presentes na organização deste dia maravilhoso. Gostei imenso:)
Ana Paulo

sandra disse...

Um ambiente descontraído, muito calor humano e uma conversa muito interessante! Gostei muito de ter participado. Para quando um Olhares de Nyása com o testemunho do Professor António Pereira? :))
Um abraço grande,
Sandra.
P.S. O Poema é lindo!

Prof. António Pereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Prof. António Pereira disse...

Olá Sandra,
Já tivémos em 2010 um Olhares de Nyása comigo, com a moderação a cargo da Profª. Catarina Candeias, mas quem sabe se fazemos um novo, com uma maior divulgação e também num sábado à noite, para o pessoal de outras zonas do país possam participar. Fica a tua sugestão!
Beijinhos,
António Pereira

Pena disse...

Mesmo muita pena de ter perdido este!!! :S

Prof. António Pereira disse...

Peninha,
Espero e desejo que numa próxima possas comparecer e conto ver-te no dia 12 de Fevereiro na aula de Complementação Pedagógica, do Espaço Lifestyle.
Um grande abraço de saudades,
António Pereira

Etianette disse...

Resultado da noite:
Muito Nyása com toda esta cultura!
Um profundo agradecimento com carinho, pelo convívio da noite maravilhosa, proporcionada pela presença do Prof. António Pereira e do Charles Machiel.
Professor, está a escrever cada vez melhor! Até aonde isto vai dar?!
Não existirão planaltos nesta terra que suportem a grandiosidade desta montanha!
Um abraço e um beijinho,
Eti

António Pereira disse...

Etianette,
Ainda bem que gostaste! Obrigado pelo elogio quanto à escrita.
Beijinhos,
António Pereira