quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Um escritor português


Estive em Paris, onde na semana anterior decorreu uma Homenagem ao escritor português António Lobo Antunes que é adulado em França, como um dos cinco grandes escritores ainda vivos.

Ficam aqui dois pensamentos deste escritor:

"Toda a grandeza é feita de pequenas coisas"

 "Não existe imaginação, só há memória."      António Lobo Antunes

Essa homenagem continua a decorrer com a apresentação de peças de teatro baseadas na obra de Lobo Antunes, cinema, exposições e tertúlias até Junho de 2011. 

Fica a sugestão para mais uma das muitas coisas que se tem para fazer em Paris e ao mesmo tempo dar um apoio de reforço à cultura portuguesa e lusófona.

1 comentários:

sandra disse...

Olá Professor!

É bastante interessante a frase sobre a imaginação e a memória. Recentemente li um livro da Isabel Allende (A cidade do deuses selvagens) que me chamou a atenção nalguns aspectos. É realmente curioso como a ficção tem muitas vezes tantos pontos em comum com outras fontes, levando-nos realmente a pensar se é realmente só ficção, imaginação ou se há ali alguma coisa de "memória"!!!!

Abraços grandes,
Sandra.