terça-feira, 8 de maio de 2012

As pessoas complicam muito as coisas


Não sei onde encontrei o texto abaixo, mas na altura gostei e por isso o guardei no meu computador. Hoje ao fazer uma pesquisa de informação para um Curso, encontrei-o e achei importante colocar aqui.

Às vezes, para não dizer quase sempre, a vida é simples. O que dificulta é a nossa forma de entendermos e observarmos as coisas e de como nos adaptamos a elas. 

Com o avançar do tempo de vida, o acumular de experiências e a maturidade alcançada, concluímos que devemos ser mais crianças com maturidade e menos adultos imaturos, cinzentos e complicados, que não dão valor às coisas boas e simples que apimentam e dão sentido à vida, deixando essas experiências passar-lhes ao lado.

As pessoas complicam muito as coisas!

«Sente saudade? Ligue. Quer encontrar? Convide. Quer compreensão? Explique-se. Tem dúvidas? Pergunte. Não gostou? Fale. Gostou? Fale mais. Está com vontade? Faça. Quer algo? Pedir é a melhor maneira de começar a merecer. Se o "não" você já tem, a tentar, só corre o risco do "sim". 
A vida é uma só.»

Viva com intensidade e simplicidade a vida! Uma boa semana repleta de boas experiências.
António Pereira

0 comentários: